Loader

Estamos aí!

Estamos aí!

Cada vez que o Markblog atravessa um período com menor freqüência de atualizações pode significar duas coisas: Ou não temos o que comentar (o que seria péssimo) ou os Jobs estão nos consumindo com uma intensidade um pouco maior. Agradeço por até então somente a segunda opção ser nossa justificativa. Na primeira respirada, no post anterior o Thiago comentou do evento que participamos no último Sábado em Florianópolis. Para muitos um marco na história da fotografia em Santa Catarina (por sinal eu sou um dos que compartilha desta opinião).Para este mesmo fim de semana, marcamos nosso retorno à Capital, seqüência da Maratona Fotográfica da Unimed. Desta vez cobrimos o sul da ilha, além de captar algumas fotos de estilo de vida. Aliás nesse quesito, a Beira-Mar foi perfeita e nos forneceu tudo que precisávamos.Dando seqüência no informativo a clientes e admiradores do nosso trabalho, hoje pela manhã estive em Joinville de onde voltei com gratas surpresas.A primeira fica por conta da perfeita execução da comunicação visual externa e interna do HOTEL 10 Joinville. O painel Back light fixado no topo do prédio e os outdoors foram confeccionados por fornecedores de primeira linha, o que garantiu que o resultado (cores, resolução etc..) atendesse nossas expectativas, mas principalmente as do cliente. Por sinal, a campanha dos outdoors começa com bastante intensidade com pontos espalhados por toda a cidade, inclusive BR-101.A outra grata surpresa vem da reunião que tive com o Diretor Comercial da Bortolini Joinville, onde no meio da negociação de novos trabalhos, comentou sobre os excelentes resultados que obteve até o momento proveniente do material de vendas que a Marketeria desenvolveu. Um mix de fotografia e projeto gráfico.Esse tipo de coisas por si só já é um excelente motivacional para que nosso trabalho seja executado com cada vez mais dedicação. Acontece que no meio da semana passada tivemos uma gigantesca (eu diria inenarrável) surpresa com um e-mail que recebemos. As palavras foram redigidas por uma pessoa que não tem nenhum vínculo nenhum com a marketeria, mas graças a sua visão e experiência reconheceu a qualidade do nosso trabalho.Abaixo uma transcrição (autorizada) ipsis literis do texto:“Prezados Jorge e Thiago,Assim como vocês estou apostando em um convite bastante ousado, o de implantar um departamento de Marketing e Promoção, na empresa de um bom e velho amigo aí de São Francisco, o Alexandre Carvalho, e eu me apresento depois.Vocês da Marketeria vieram reforçar uma das minhas maiores convicções, a de que os melhores anúncios não são os maiores e muito menos os mais caros.Tomei conhecimento da Marketeria em um outdoor de uns 60cm de largura, que deve ter custado uns R$10,00, se muito.Foi estacionando o carro para ir aos correios quando vi o ploter no uno. Já fazem uns quinze dias, mas a mensagem foi impactante. Fiquei com o nome na cabeça.Excelente recall !!Hoje resolvi matar minha curiosidade e acessar essa “tal” Marketeria, que para o meu espanto: “o chumbo é grosso”, trabalho profissional e de primeira. Honestamente não imaginava tudo isso em São Chico.Eu tenho aproximadamente 45 anos e exatos 26 de profissão, comecei cedo mesmo, trabalhei em boas Agências, MPM Propaganda, Norton Publicidade, no Marketing da Globo, na Tv e Rádios Manchete FM, na 20th Century Fox, tudo isso no Rio, e em 1993 fui morar em  Curitiba, para assumir a Gerência de Marketing do Shopping Mueller.De lá prá cá, foram mais de 20 Shoppings, Brasil a fora, em diversas áreas, além de muitos eventos, o que me levou para São Chico, pois já estamos com alguns em desenvolvimento.São por essas e por outras, QUEM SABE…, poderíamos tomar um café, uma água ou no mínimo, falar de trabalho e jogar conversa fora.Aliás, ligando o nome a pessoa, conheço o seu tio, há um tempão.Arquiteto, baixinho, barrigudinho, figuraça, grande amigo, preciso falar o nome da peça?Então moçada, parabéns pelo trabalho. Forte abraçoNelson Caruso”São coisas como essa que nos motivam ainda mais, pois atestam nosso valor e mostram que estamos no caminho correto.

Jorge Urresta Neto
[email protected]