Loader

Diário de Bordo MarkEurotrip2 – Paris vai deixar saudade

Diário de Bordo MarkEurotrip2 – Paris vai deixar saudade

Caros amigos, depois de 10 dias de um banho cultural pela maravilhosa Paris, fica uma pontinha de tristeza de que nossa aventura está chegando ao fim.

Na manhã de hoje, sabíamos que este era o dia derradeiro para fazer tudo o que ainda estava em nossos planos, pois para amanhã só nos restaria o voo de volta. Combinamos então de fazer um passeio pela Rivoli, a rua perfeita em Paris para quem deseja levar uma lembrança da cidade por um precinho bem mais acessível. Mas a caminho de nosso destino, ainda no metrô, passei por uma situação um pouco desagradável. Como sou turista de primeira viagem, cometi um erro até muito comum de certos desavisados: jogar fora o ticket do metrô antes da saída final. Acontece que entre uma linha e outra, você pode ser abordado pelos fiscais como uma forma de blitz e adivinhem que foi pego dessa vez? Pois é, euzinho. Resultado do vacilo: 33 euros de multa e uma boa lição!

Mas resolvi cumprir a lei e não estragar minha viagem que até então estava impecável.

Já na Rivoli, próximo ao Louvre, visitamos o jardim das Tulherias, um dos mais antigos de Paris do séc. XVI e aproveitamos para registrar mais algumas fotos. Depois de conferir algumas lojinhas e levar algumas lembranças, decidimos organizar nossa bagagem de volta no Hotel.

No final de tarde, decidimos nos despedir da torre Eiffel para as tão esperadas fotos noturnas, devido ao espetáculo de luzes que ela proporciona. Estava muito frio, quando chegamos ás 19 horas e as luzes já começavam a piscar para delírio dos turistas de plantão. Como as luzes só piscam a cada 1 hora durante 5 min, preparamos algumas fotos com a iluminação normal da torre e o resultado foi mais do que o esperado! Tudo porque o dia estava muito nublado e era possível ver apenas metade da torre, mas um ajustezinho aqui e acolá na câmera e contando com uma pequena colaboração do vento empurrando a névoa, foi possível registrar fotos belíssimas!

A fome chamava, quando decidimos uma última visita na Champs-Élysées na feira de Natal, para provarmos mais alguns pratos típicos da França. Hoje provei o “cassoulet” que seria um cozido de feijões, pato e alguns temperos, e mais uma vez aprovadíssimo!

Já era tarde quando estávamos dando conta que esta seria nossa última noite na cidade luz e estava chegando o fim de um sonho realizado.

Foi tudo muito perfeito nesses 10 dias de muitas caminhadas, fotos, cultura, emoção, frio, trapalhadas e muitas risadas.

Eu e meu amigo Fernando fomos testemunhas de uma aventura inesquecível pelo velho continente, e nos deixará saudades para quem sabe futuramente uma nova visita.

Agradecemos ao povo francês pela acolhida, pelos deliciosos sanduíches, pela história fantástica, pelos passeios de metrô e pelo nosso inglês “terrible”.

Mas é claro que não poderíamos deixar de agradecer as pessoas que proporcionaram este sonho, como nosso grande incentivador e parceiro “Big Boss Jorge Urresta” e nossos familiares pelo apoio e carinho. Foi o maior presente de natal antecipado que algum dia pensamos em ganhar.

Agora é voar para nosso querido Brasil e matar as saudades.

Au revoir Paris! Je t’aime!

Jorge Urresta Neto
[email protected]