MarkCaliforniaTrip – San Francisco pt. 06

Olá a todos,

Depois de muito bem aproveitado, sentido bem o clima, presenciado e curtido até os pequenos e simples momentos, minha viagem chegou ao fim.

Daqui pude aprender mais sobre a cultura estadunidense, presenciar o cotidiano, a correria de um grande centro e desfrutar a qualidade de vida de uma cidade tão fantástica como San Francisco, que é, com certeza, a minha cidade preferida do país até o momento.

A vibe, o ar que de aconchego que a cidade proporciona, as pessoas e o lazer fizerem que eu definitivamente me apaixonasse por aqui. Sentir-se em casa em apenas 5 dias é para poucas cidades! Hahaha. Conversar e viver com nativos e imigrantes, abriu meu olhar para o país que hoje é tão protocolado como bairrista. Aqui as políticas de Trump não são exercidas entre os americanos. Mexicanos, Chineses, Árabes e Indianos convivem e compartilham o mesmo espaço que os americanos e de forma igualitária.

Visitar o Chinatown foi como estar em uma cidade asiática. Dentro do bairro, tudo é em chinês. Bancos, lojas, mercados e os muitos chineses que andam pelas ruas, me passaram essa sensação e me deram ainda mais vontade de conhecer o país asiático. Dentre os muitos quilômetros e ruas percorridos, presenciei o cotidiano das lojas e dos moradores. Observar a qualidade de vida que eles têm me fez desenvolver um maior ainda desejo de continuar a aplicar as práticas de bons modos de vida no Brasil. Aprender é observar e replicar.

Definitivamente, aqui é um lugar especial no meu coração que com certeza voltarei um dia.

Aqui, alguns pontos curiosos que analisei durante a viagem 🙂

  • Americanos são bem simpáticos, sempre cumprimentam com “hey, how are u?” ou “how is going, buddy?”. Sempre falam bom dia, boa tarde e desejam uma ótima noite, seja lá qual posição a pessoa ocupa no estabelecimento. Gentileza gera gentileza.
  • Tanto os pedestres quanto os motoristas, ambos respeitam muito bem as sinalizações e o direito de cada um na rua. Não tive problemas em atravessar qualquer rua, mesmo as que não tinham temporizador para pedestre.
  • Cidade grande: SF é uma cidade muito grande e assim como uma metrópole, há também o lado ruim. Percebi muita pobreza ao observar mendigos e barracos embaixo de pontes. Nos lugares mais afastados do centro que me aventurei a ir, vi bastante lixo no chão e mal odor em alguns trechos. O engraçado dos mendigos aqui é que eles moram em cabanas de acampar e se locomovem com carrinhos de supermercado. Eles são também muito engraçados pelo fato de estarem sempre falando sozinhos ou cantando na rua.
  • Seja quem você for, aqui, as pessoas não te julgam por como você anda, fala ou se veste. Todos agem e são como querem, isso eu acho bem legal, percebi isso muito forte também na Europa, embora as pessoas pareçam se vestir naturalmente melhor lá.
  • Migração. Todos os Uber’s que peguei aqui foram dirigidos por árabes, inclusive uma mulher. Vi que há muitos indianos, árabes, chineses e mexicanos trabalhando nos empregos que hoje as pessoas já não querem tanto. É aquele famoso padrão que encontramos em filmes e aprendemos no dia a dia, assim como praticamos com os haitianos no Brasil. É possível escutar muitas línguas enquanto se anda pela cidade.
  • O povo fuma. Aqui em SF, a maconha é legalizada, assim como no estado da Califórnia. Aonde quer que você vá, haverá gente fumando e eles te param na rua e ficam te oferecendo, bizarro haha. Conversando com um americano, ele disse que todos aqui fumam. No trabalho dele existe uma hora do dia especial para fumar (ahahhaah) e perguntando mais a fundo, ele me disse que cerca de 100g são 15 dólares. Então… bem acessível a todos.
  • Sem sacolas. Acho super legal o incentivo que eles dão aqui no fato de ter que pagar por sacolas plástica ou papel, seja lá onde quer que você compre. Porém, acho meio estranho quando você gasta um valor considerado em uma loja de roupa ou grife e mesmo assim tem que pagar pela sacola…. Acredito que neste caso eles meio que aproveitaram da regra para um lucro extra… sei lá, achei estranho.

Muito obrigado a todos que me acompanharam por aqui, pelo Instagram e que vierem falar comigo dando dicas de lugares para conhecer e principalmente a quem pode me proporcionar tamanha experiência!

06 04

02 03
0105

Avatar
Jorge Urresta Neto
[email protected]